O que estamos fazendo com a infância de nossas crianças?

0

Por Claudia Del Corto

“Hoje as crianças não brincam mais como antes. Só se interessam por vídeos e jogos no celular.”

 Escuto muito isso de adultos que convivem com crianças e jovens. Pode ser que você já tenha ouvido algumas destas queixas ou, quem sabe, as tenha proferido. São apontamentos legítimos e correspondem à realidade vivida.

Mas, os tempos são outros. Lidamos expressamente com uma geração que nasceu imersa na tecnologia e usam esses equipamentos desde cedo. A ideia aqui, não é descartar isso de forma alguma. Temos que acolher as vivências das crianças e jovens, mas também temos o dever de ampliá-las e não as reduzir.

Somos responsáveis pelo mundo que oferecemos aos mais jovens. Ao nos queixarmos que eles não sabem brincar, não se relacionam de forma concreta e se mantem na virtualidade, contribuímos com isso, permanecemos apenas na queixa. Pouco fazemos para mudar isso. Não adianta dizer que está cansado de falar e que insistir não resolve. Experiências de vida se fazem com vivências e não com discurso.  O jeito deles lidarem com a vida e as relações pode ser via eletrônicos, mas podemos adicionar possibilidades pessoais que venham a agregar.

A experiência mais rica de todos nós é o brincar. Por meio dela acessamos o mundo e nos relacionamos com ele. O brincar promove bases para a inventividade e a construção de novas relações ao longo da vida.

Que tal resgatarmos as possibilidades do brincar junto com nossas crianças e jovens?

Já montou um acampamento no quintal ou um piquenique na praça do bairro? Já brincou de esconde-esconde na sala de casa? Já cozinharam juntos?

Às vezes queremos que as crianças e jovens tenham experiências diferenciadas, mas não os convidamos para experenciar isso juntos. Vale a dica de experimentar e resgatar a criança e a infância em cada de nós.

Cláudia Del Corto mora e tem um espaço de atendimento em psicopedagogia e psicanálise no Urbanova

(12) 99139-3609

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here