Sistema do CSI identifica placa adulterada

0
Foto: PMSJC
De maneira inédita desde o início da operação do CSI, em abril do ano passado, as câmeras do CSI (Centro de Segurança e Inteligência) leram no último domingo (20) a placa original de um veículo roubado, apesar de ela ter sido adulterada.
 
Segundo a Secretaria de Proteção ao Cidadão a placa original estava registrada no sistema do CSI como sendo de um veículo roubado e começava com a letra E. Na adulteração, a letra foi transformada em F, mas não conseguiu enganar o sistema inteligente.
 
A partir do alerta disparado no CSI identificando carro roubado circulando, o veículo passou a ser acompanhado pelas equipes das forças de segurança e foi abordado pela GCM para esclarecer os fatos.
 
No CSI, imagens de mais de mil câmeras espalhadas pela cidade são monitoradas em tempo real, 24 horas por dia, pelas forças de segurança que fazem parte do programa São José Unida. Em 11 meses, uma média de 8 carros furtados por mês são devolvidos para seus proprietários.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here